Fotofobia: entenda esse problema tão incômodo

Provavelmente você já ouviu falar da fotofobia. Normalmente ela se manifesta quando a luz e a claridade causam muito incômodos aos olhos. Mas o problema não é tão simples assim e pode ser o primeiro sinal de doenças oftalmológicas. Neste artigo vamos te contar de fato o que é a fotofobia e te ajudar a entender esse distúrbio. 

O que é a fotofobia: entenda mais sobre esse distúrbio 

A fotofobia é uma condição que aumenta a sensibilidade dos olhos em relação à luz. O incômodo faz com que o paciente não consiga olhar diretamente para claridade e nem permaneça por muito tempo em ambientes muito claros. Além disso, a condição pode causar fortes dores nos olhos, criando inclusive uma aversão do paciente à claridade. Outras características da fotofobia são: 

  • Irritação nos olhos;
  • Ardência; 
  • Vermelhidão; 
  • Ofuscamento visual; 
  • Lacrimejamento; 
  • Dores de cabeça também podem surgir, principalmente após longas hora de exposição à luz. 

A fotofobia em si não provoca danos aos olhos, porém ela pode ser o primeiro sinal de outras doenças oftalmológicas e por isso pede cuidado e atenção. 

__________________________________

CLIQUE NO LINK E LEIA TAMBÉM NOSSOS E-BOOKS:

_________________________________________

O que causa essa sensibilidade? 

A fotofobia não é um reflexo apenas de uma doença oftalmológica. Ela também pode estar relacionada com outras enfermidades, como enxaqueca, meningite, botulismo, etc. Mas quando a fotofobia está ligada aos olhos, ela pode ser um sintoma de distúrbios como: 

Mesmo com tantas causas, a fotofobia merece atenção. Entre doenças simples e mais complexas, a sensibilidade à luz interfere na qualidade de vida do indivíduo. 


É possível tratar a fotofobia? 

Como não é uma doença em si e sim de um sintoma de um distúrbio, não existe um tratamento eficaz apenas para a fotofobia. Por isso é importante buscar as causas para então encontrar a solução para o problema. Porém, usar óculos escuros em ambientes muito claros pode ser uma boa saída para minimizar os incômodos causados pela fotofobia. 

O mais importante é buscar ajuda de um médico Oftalmologista para analisar os possíveis motivos para o surgimento da fotofobia. Só assim será possível fazer um tratamento adequado, visando a melhora de todos os sintomas e também da doença causadora da sensibilidade à luz. 

Nestes momentos conte com a UPO Oftalmologia.